sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Poemas de Amor

                  


                  Olho para trás
                  E percebo que tudo que a gente teve foi apenas uma farsa
                  Você me deixou de mãos atadas
                  Sem saber o que fazer
                  Eu grito mas a voz fica presa em minha garganta
                  Não aguento mais essa dor em meu peito
                  Sinto que estou perdendo meus sentidos
                  Cada vez que eu te vejo
                  É uma lembrança sendo resgatada com força
                  E que me recuso a lembrar poque me lembra você...
                  A esperança me move feito uma nuvem no céu
                  Seu olhar é como o sol que me ilumina
                  Me indicando o caminho a seguir
                  Estarei perdida até não mais saber pra onde ir
                  Você nem ao menos me disse adeus......

                  Se vocês se identificaram com o meu poema, não deixem de comentar, seu comentário é muito precioso pra mim!!
                  Um beijo e fiquem com Deus!